Molho de alcachofra e espinafre / Artichoke spinach dip

* Scroll down for the English version!

Vivo procurando receitas novas. Um dos meus passatempos favoritos é folhear livros de cozinha e pesquisar sites de receitas interessantes. Principalmente se elas vierem acompanhadas de fotos bem tiradas :-) Minha mãe disse que eu penso em comida o tempo todo. Ah, não é bem o tempo toooodo, mas uma parte bem razoável dele ;-)

Enfim, nas minhas buscas rotineiras, encontrei várias vezes receitas bem legais desse molho de alcachofra e espinafre. Ele é considerado um dos dips (esse tipo de molho em que você mergulha um biscoito e come) mais tradicionais e adorados. Não usamos alcachofras com tanta frequência no Brasil, o que é uma pena. Recentemente, fiz um post explicando como cozinhá-las, mas hoje mostro como usar a conserva pronta.

Esse molho é rápido, fácil e absolutamente maravilhoso! Pode ser servido com tortilhas, biscoitinhos, pão, legumes crus cortados em palitos ou o que você preferir. Olha que delícia!

Ingredientes:

  • 150g de cream cheese (leve ao microondas por 2′ em temperatura média para amolecer um pouco. Fica bem mais fácil de misturar com os outros ingredientes)
  • 1 colher de sopa cheia de maionese
  • 1 xícara de folhas de espinafre picadas
  • 200g gramas de corações de alcachofra em conserva picados em pedaços (usei um armazenado em azeite)
  • Alho e sal (aproximadamente 1 dente de alho amassado e sal a gosto)
  • ½ xícara de queijo parmesão ralado
  • 1 punhado de muçarela ralada

A maioria das receitas pedia sour cream. Até onde eu sei, não temos isso por aqui. Não usei, mas não senti falta. Ficou uma delícia! Seguem algumas fotos da preparação.

Pré-aqueça o forno a 180°C. Misture os ingredientes até formar uma massa relativamente homogênea. Espalhe um pouco de muçarela por cima. Certifique-se que você está usando um recipiente adequado para assar.

Leve ao forno por 30’ a 45’ ou até que o queijo esteja dourado. Sirva quente.

Essa receita serve 2 pessoas como refeição principal (sim, eu fiz isso rs) e umas 5 como aperitivo.

I’m always looking for new recipes. One of my favorite hobbies is to go through culinary books and searching for interesting recipes on websites and blogs. Specially if they come with a nice picture :-) My mum says that I think about food all the time. Well, not ALL the time, but a reasonable part of it ;-)
Anyway, during my daily research, I found some very nice recipes for this artichoke and spinach dip. It’s considered one of the most traditional and loved dips. We don’t use a lot of artichokes in Brazil, which is a pity. Recently I made a post explaining how to cook them, but today I’ll show how to use the one that comes in a jar.
This dip is quick, easy and absolutely wonderful! It can be served with crunchy tortillas, crackers, bread, vegetable sticks or whatever you prefer. 
Ingredients:
  • 150g of cream cheese (take it to the microwave for 2’ on a medium heat to soften it a bit. It makes it easier to mix with the other ingredients)
  • 1 full tablespoon of mayo
  • 1 cup of chopped spinach leaves
  • 200g of artichoke hearts chopped roughly (I used one that was soaked in olive oil)
  • Garlic and salt (approximately 1 clove of garlic – smashed – and salt to taste)
  • ½ cup of shredded parmesan cheese
  • 1 handful of shredded mozzarella cheese
Most recipes asked for a tablespoon of sour cream. I couldn’t find it, so I didn’t add. Feel free to use it, although I didn’t really miss anything. It was delicious!
Turn your oven to 180°C. Mix the ingredients until you make a somewhat smooth paste. Sprinkle some mozzarella cheese on top. Make sure you’re using a recipient that can go into the oven.
Bake for 30’ to 45’ or until the top is golden. Serve it hot.
This recipe serves 2 people as a main dish (yes, I did that lol) or about 5 as an appetizer.
Anúncios

Alcachofra / Artichoke

*Scroll down for the English version!

Comi alcachofra poucas vezes na vida. Um restaurante ou outro fornecia aquelas folhas carnudas para raspar. Da primeira vez que encontrei, precisei de instrução na hora de comer. Não se tratando de um ingrediente cotidiano no cardápio do brasileiro, achei que ela merecia um post apenas sobre como cozinhá-la e comê-la. Procurei um método confiável, comprei no Mercado Central, preparei e comi igual pipoca. Sabe aquela comida delícia que você devora sem nem ver? Sério, é apaixonante. E muito mais fácil do que parece!

Ingredientes:

  • 3 alcachofras
  • ½ limão
  • 1 dente de alho
  • 1 folha de louro
  • Sal a gosto

Comece limpando as alcachofras, passando bastante água. Corte as pontas das folhas e a pontinha de cima.

Tire as folhas menores da base e corte o excesso do cabo, deixando alguns centímetros. Eu, particularmente, acho o caule muito amargo, então costumo descartar.

Encha uma panela com água e acrescente o alho, a folha de louro, o limão e as alcachofras. Elas podem ser fervidas em uma panela comum, ser cozidas no vapor (em uma panela especial) ou em uma panela de pressão. Caso use uma panela comum, deixe a água ferver e reduza o fogo. Cozinhe por 25’ a 45’ ou até que as folhas de fora possam ser facilmente removidas. Costumo usar a panela de pressão, que é muito mais rápida. Cozinhe por 15’ a 20’ (meça o tempo a partir do momento em que o vapor começa a sair).

Pronto! Agora é comer! O método mais tradicional é comer cada folha com um molho. Manteiga derretida, maionese com vinagre balsâmico ou azeite. Retire cada folha e mergulhe a parte carnuda no molho. Segure a parte fina da folha e raspe a parte carnuda nos dentes.

Nham! Jogue fora o restante da folha e repita com todas as outras.

Em algum momento, aparecerá o “choke”, uma parte cheia de pelinhos ásperos.

Essa parte não é comestível, então retire-a com cuidado, preservando a parte macia abaixo. Esse restante macio é o coração da alcachofra. Ele pode ser cortado em pedaços e mergulhado no molho. Ou usado para fazer um outro prato. Dia desses eu posto uma receita de um molho de coração de alcachofra e espinafre!

Divirtam-se!

Serve duas pessoas.

I had artichokes only a few times in my life. One restaurant or another served those meaty leaves and I actually needed a lesson on how to eat them. As it’s not a typical ingredient in the Brazilian menu, I thought it deserved a post solely on how to cook it and eat it. So I searched for a method, bought some, prepared and ate them like popcorn. It’s one of those delicious dishes that you devour and barely notice. And it’s easier than it seems!
Ingredients:
  • 3 artichokes
  • ½ lime
  • 1 clove of garlic
  • 1 bay leaf
  • Salt to taste
Start by cleaning the artichokes, rinsing with a lot of water. Cut the tips of the leaves out and the top part. Remove the smaller outer leaves from the base and the excess stem, leaving a few centimeters. I don’t use the stem, as I find it too bitter.
Put some water in a pan and add the garlic, the bay leaf, the lime and the artichokes. They can be boiled in a regular pan, steamed in a steam basket on top of some boiling water or cooked in a pressure cooker. In case you’re using a regular pan, let the water boil and reduce until it simmers. Cook for 25’ to 45’ or until the outer leaves can be easily removed. I like using a pressure cooker, since it’s way faster. Cook for 15’ to 20’ (measure the time from the moment the steam starts to leak).
That’s it! All you have to do is eat! The most traditional method is to dip each leaf in sauce. Melted butter, mayo with balsamic vinegar or olive oil are some options. Remove each leaf and dip the meaty end in the sauce. Hold by the thin part and scrape the soft part with your teeth. Yum! Throw the rest of the leaf out and repeat with all the other ones.
At some point, the choke will appear. This fuzzy part is not edible, so take it out, taking care to preserve the soft part underneath. The soft part is the heart of the artichoke. It can be cut to pieces and used to dip in the sauce. Or it can be used to make another dish. One of these days I’ll post a recipe of an artichoke spinach dip!
Have fun!
This recipe serves two people.